segunda-feira, 27 de junho de 2011

o melhor de mim.



Eu não sou o melhor anjo que Deus poderia te dar, mas sinto o maior amor que alguém poderia te dedicar. 
E te envolvo com bons pensamentos, e me dirijo à Ele te pedindo proteção.
Porque eu te daria o mundo se o tivesse nas mãos. Mas como não tenho, te dou meu coração, e a maior parte dos meus dias.
Como você mesmo diz, você é meu cachecolzinho nas noites frias.
É o abraço pequeno que esquenta minha alma, o coraçãozinho que me enche de amor.
Eu não sou a mãe perfeita. E com você tenho aprendido a tolerar, abrir mão de algumas coisas e ver valor em outras tão diferentes...
Porque foi você que me ajudou a atravessar as maiores tempestades e a colorir cada momento.
Depois de você, as paredes de casa nunca mais foram tão brancas.
E os meus dias nunca mais foram tão cinza.








[K]




"Amor maior que eu."


2 comentários:

  1. Dar o que se tem, pode ser doar-se inteiro. Pode ser o suficiente. Toda entrega é inteira. Toda entrega é poesia. O Sol se entrega ao céu por inteiro, ainda que as nuvens o encubram... e o cinza há de passar! :)

    ResponderExcluir
  2. lindo... talvez esse seja o único amor verdadeiro.

    ResponderExcluir